quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

Forum Popular de Irajá

Recebi um e-mail da Pedagoga Ana Paula Pinto de Souza que é uma ativista em Direitos Humanos e também responsávelpelo Forum de Irajá, onde se discute questões fundamentais de educação como direito humano básico.


Aí vai a divulgação da mensagem e do convite

Olá pessoal!!!!
Estou enviando em anexo os objetivos da mesa de Educação, uma das mesas de debate do Fórum Popular de Irajá, que acontecerá no dia 30 de março na Lona Cultural de Vista Alegre.
Participem e ajudem a divulgar!
Paz, Força e Alegria!
Ana Paula

OBJETIVOS DA MESA DE EDUCAÇÃO PELA NÃO-VIOLÊNCIA

- Levantar as informações sobre as diversas iniciativas que já acontecem no sentido de construir uma educação baseada na cultura da não violência, visto que há muitos educadores que desejam uma mudança nas práticas de ensino e aprendizagem, porém não dispõem de referencial para saber por onde começar.

- Discutir sobre as propostas de educadores humanistas em relação a capacitação para educadores que queiram desenvolver suas práticas através da metodologia pela Não-Violência. Estão incluídas nestas propostas de capacitação:

* A formação do aluno como ser humano integral;

* A habilitação para desenvolver uma atividade útil ao progresso social e ao desenvolvimento pessoal;

* A participação ativa em um âmbito escolar democrático;

* A formação para a liberdade, a democracia, a solidariedade, a cooperação, a tolerância, o respeito à diversidade e a não violência;

* O exercício intelectual de uma particular visão sem preconceitos sobre as paisagens e de uma atenta prática sobre o próprio olhar;

* O estímulo da captação e o desenvolvimento emotivo junto ao racional (pensar coerente);

Além de propor e estimular:

* Implementação de oficinas culturais (teatro, artes plásticas, música, literatura) como forma de desenvolver a sensibilidade e passar conceitos humanistas, com exposições esporádicas entre classes e escolas;

* Criação, no campo docente, de âmbitos de reflexão, intercâmbio de experiências, desenvolvimento de propostas e ação direta que aponte para as mudanças que necessitamos. Isso inclui criar publicações (artigos, colunas de opinião, revistas, livros, projetos, etc.), organizar oficinas, seminários, cursos e congressos, e, em geral, propiciar todo tipo de atividades que promovam e estimulem o intercâmbio, a conexão e a difusão de novas idéias e propostas;

* Enfoque em uma formação humanística e ética, realmente comprometida com o meio em que se vive, ao invés de uma postura individualista e meramente preparatória para um mercado de trabalho.

Responsáveis:

Ana Paula Pinto de Souza / e-mail: anaphumanista@yahoo.com.br /Tel.: 3087-4741

Márcio Osmar / Tel.: 3351-2609

Nenhum comentário: