quinta-feira, 28 de maio de 2015

Projeto Dia do Meio Ambiente





 

















Na hora de pensar em projetos para o dia do meio ambiente o legal, é pensar em atividades bacanas, integradoras, mas que também levem a conscientização. Coordenadores(as) pedagógicos (as) tem uma missão muito importante nas escolas que é integrar, potencializar as habilidade e competências educativas e educadoras dos profissionais da educação, além de possibilitar, (e esta é  função que mais gosto), o reencantamento do cotidiano escolar, reecantando assim,  a vida dos nossos alunos, objeto maior de todo nosso ato educativo.
A coordenação pedagógica também pode participar do projeto montando um mural ambiental participativo. Esse mural pode fazer parte da dupla dinâmica OP/OEs com participação total dos alunos e professores. 

Monte  o mural num lugar de fácil acesso e nutra ele com noticias e informações relevantes: cursos, palestras motivacionais, ofertas de estágio, testes vocacionais (sobre este tema, vou preparar um post especial de como a orientação pedagógica e educacional podem  montar um teste vocacional para alunos de 9º ano)



Visite as turmas e peça contribuição dos alunos para trazerem alguma noticia interessante que eles viram na internet, nos jornais, sobre meio ambiente e  mãos a obra!!!

 Para o projeto em si, não esqueça  que os eventos pedagógicos com cunho ambiental são importantes pois podem potencializar o engamento pela  causa da  preservação e conservação do meio ambiente.


 Agora, vamos  a sugestão de projetos para os professores desenvolverem nas turmas:

Proposta de Projeto ( 5º ao 9º ano e Ensino Médio)



Nossos alunos adolescentes  através das mídias sociais estão cada vez mais plugados. Vamos nos plugar também?

Peça aos professores para construírem uma linha do tempo que identifique momentos importantes da escola  desde que foi fundada até os dias atuais. Se preciso entreviste a comunidade, professores antigos, diretores, alunos, pais, etc. relacionando com as mudanças ambientais do entorno e na sociedade.


A escola  não pode  passar em branco nas discussões sobre o Dia do Meio Ambiente.  A escola precisa estar conectada  com a sociedade. esta linha do tempo deve levantar discussões  sobre o clima, poluição, destinação do lixo, discussão sobre conceitos de sustentabilidade, criação de legislação especifica, etc.

Escolas rurais podem aproveitar para discutir, período de safras, de engorda de animais, de exposições locais, e também conceitos agroecológicos, possibilidades de intercâmbios, feira de sementes, feira de trocas de mudas etc..


Proposta de Projeto ( Infantil- 1º ao 4º ano)

Estudo  do  Bioma;presentação de Fragilidades e Potencialidades.( Através da escrita, desenho, teatro, exposição etc); Criação de um caderno ou mural de soluções;Oficina de máscaras de animais do  bioma  onde a escola está inserida; Oficina de culinária com flores, frutos  frutas do bioma onde a escola está inserida. 
E como a  educação ambiental é também uma forma de integrar as pessoas com suas famílias, suas comunidades e seu país, assim como desenvolve o sentido de pertencer a uma comunidade planetária, onde cada um depende do outro numa grande cadeia de interdependências, planeje  uma palestra ambiental importante sobre um tema relevante para a comunidade e convide todo mundo: pais, igrejas, associações, organizações, etc.

Sucesso gente!

terça-feira, 26 de maio de 2015

Empatia e Simpatia




Diante deste vídeo me vi cheia de  perguntas. O quanto usamos da nossa empatia para nos conectar os outros?
Enquanto coordenadores, quanto nos colocamos na pele dos outros na resolução de conflitos?

Quanto estamos prontos para este papel?

Este vídeo é um bom instrumento para nos perguntar se somos empáticos ou simpáticos   no nosso ambiente de trabalho, e o que podemos fazer para mudar nossa atitude.

Se você acredita  numa educação com proposito de SER, Não deixe de ver esse vídeo.

quinta-feira, 21 de maio de 2015

Você tá pronto pra mudar?

Não falo do que não conheço e não falo do que não vivo.
Estes são os princípios básicos da  minha vida pessoal e profissional.
Tenho  17 anos  atuando como Pedagoga  na área de formação de  professores, e sei bem como é um assunto considerado tabu, chamado resistência a mudanças.
Se existe neste mundo, um profissional que quando houve falar em mudanças quase tem uma síncope  é o professor.
Se você é um professor e está lendo isso, no início vai resistir e falar: - Hei em  que time ela tá jogando?
Tô jogando no time da vida gente!
Resistir a mudança é uma das piores doenças que podemos causar a nós mesmo. E não estou falando de mudar sistemas, estruturas escolares, estou simplesmente falando de mudanças interiores, Estou falando de nós, pessoas, que por acaso escolhemos ser professores.
Escolhemos. Escolhemos?
Ou estamos sendo professores porque não temos outra opção?
Ou estamos esperando que um outro trabalho bata na nossa porta?
Ou estamos felizes e realizados?
Ou estamos felizes, porém inquietos?
Aonde está a sua paixão?
 Você está pronto para mudar?

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Você aceitaria fazer algo de diferente para mudar a sua rotina?


Você aceitaria fazer algo de diferente para mudar a sua rotina?
Você acredita que a sua atitude pode influenciar tudo ao seu redor?
Você é daqueles profissionais que tem gosto pelo novo ? Ou nem podem ouvir falar na palavra MUDANÇA?

sexta-feira, 1 de maio de 2015

Escolha sua Vida

 

Nesse dia do Trabalhador não poderia deixar de falar de uma pessoa, que foi uma das mas incríveis descobertas que fiz nas últimas semanas, que é a Paula Abreu, Coach de alta performance, que tem mexido e me feito rever  muito das minhas crenças sobre o trabalho.
Me inscrevi no seu curso Paixão: Modo de Usar que é um curso on line super light, e mesmo assim super intenso que te leva a pensar, refletir e objetivar sobre uma vida com mais propósito.
E dentre muitas reflexões que tenho feito essa semana, sobre o propósito do meu trabalho, estou aproveitando também para refletir a respeito do dinheiro e do sucesso profissional,  e como  minhas crenças limitantes  me afastam ou me aproximam do que eu quero.
Como no universo, a  gratidão passa por retribuir de alguma forma, o que vamos recebendo em abundancia,  deixo aqui o site da Paula, onde vocês poderão não somente se inscrever no curso, mas se quiserem, aprender com seus textos  e se proporem a  levar uma vida com mais propósito. Ou seja mais feliz e abundante.
 E abundância  não é somente de coisas materiais, mas como tenho aprendido por mim mesma, a primeira abundância é da gente mesmo. É do amor que vamos sentindo por nós mesmas, quando   vamos nos aprofundando no processo de nos conhecer.
Coisas esquecidas que vem a tona e você vai descobrindo a abundancia de si: do quanto legal eu sou, do quanto sou fiel com meus amigos, do quanto sou habilidosa para cozinhar, do quanto meus cabelos são bonitos quando  eu os trato bem, do quanto sou serena, do quanto gosto das minhas coisas....e por ai vai... Abundância de mim mesma. Abundancia de si.

Pensem a respeito.Bom dia do trabalhador, descansem,  e não deixem de conhecer o trabalho da  Paula Abreu no  ótimo  http://www.escolhasuavida.com.br/